Logon
Blog

Saiba a diferença entre gripe e resfriado

Leia mais e tenha informações seguras sobre saúde.

​​​​​​​A gripe é uma doença provocada pelo vírus influenza, a gripe atinge as vias respiratórias. Ela se distingue do resfriado por sintomas e agentes transmissores diferentes: o resfriado é resultado da contaminação por outros tipos de vírus, chamados de rinovírus ou coronavírus.

A gripe é uma infecção​ mais forte que o resfriado, costuma durar menos tempo e apresenta maior taxa de complicações, como problemas pulmonares e cardíacos. A gripe pode ser perigosa em idosos, bebês e pessoas com imunidade baixa. O resfriado, por sua vez, raramente causa complicações.

De acordo com a Dra. Sumire Sakabe, infectologista do H9J. há vários tipos de vírus influenza, que provocam a enfermidade com características distintas. Exemplos disso são o H1N1, responsável pela epidemia da chamada gripe influenza A e o H5N1, vírus da gripe aviária. Mas os casos mais frequentes de gripe atualmente são provocados pelos vírus da influenza A e B.

​​Transmissão 

A transmissão se dá pelo contato com pessoas infectadas, principalmente por partículas de secreção respiratória ou que estejam em suspensão no ar. Após a contaminação, o paciente leva de três a quatro dias para manifestar os primeiros sintomas.


​​Sintomas

Eles se traduzem em febre alta (acima de 38 °C), dores de cabeça e no corpo, mal estar e fraqueza. É comum haver tosse, dor de garganta e coriza.

Esses sintomas costumam passar após cinco dias, mas não é incomum que algumas pessoas apresentem gripe por mais de uma semana.

​​Diagnóstico e Tratamento

O diagnóstico é feito por avaliação clínica e em geral não são necessários exames laboratoriais. Como a doença costuma ter curta duração e poucas complicações, o tratamento em geral é apenas para aliviar os sintomas, por meio do uso de  analgésicos, antitérmicos, repouso e hidratação. A prevenção é feita com vacinação e cuidados básicos de higiene.

A enfermidade não é considerada grave, mas pode se complicar quando atinge pessoas em estado vulnerável, como crianças com menos de dois anos, idosos, portadores de doenças crônicas (como diabetes e Aids) e obesos. "Nesses casos, a gripe pode se associar a quadros de pneumonia ou atingir o sistema nervoso, causando encefalite", afirma a médica.


resfriado.jpg

Artigo originalmente publicado em 2016 e atualizado em 2020.

​​Agendamento​

Para marcar consult​as e exa​mes, ligue para 11 3147-9430.​

​Leia mais: 
Dicas de prevenção da Gripe



Veja mais

Nosso site usa cookies para melhorar a navegação. Conheça o nosso Portal de Privacidade .