Logon
Blog

Hemorroidas: conheça as principais causas do problema

Leia mais e tenha informações seguras sobre saúde.

hemorroida_constipacao_prisao_de_ventre

Estima-se que, aproximadamente, 50% das pessoas terão problemas com hemorroida em algum momento da vida, principalmente após os 40 anos. Este tema é bastante delicado e, para muitos, ainda é um tabu, tanto que tem gente que deixa de procurar ajuda médica por vergonha ou falta de informação.

O que são?

A doença hemorroidária ocorre quando há inchaço, dilatação ou inflamação de veias localizadas no reto ou no ânus. As lesões podem ser tanto internas – localizadas no ânus ou no início do reto –, quanto externas – quando saem do ânus.

Internas: como o nome diz, essas varizes se desenvolvem dentro do canal anal. São caracterizadas pelo sangramento ao evacuar, prolapso, ou seja, exteriorização da ferida, e ulcerações. Esse tipo não costuma manifestar sintomas ou desconforto na fase inicial.

Externas: essas varizes se desenvolvem no final do canal anal ou ao redor do orifício anal em forma de nódulos e são bastante dolorosas. Não é comum haver sangramento, mas geralmente as feridas, quando inflamadas, são acompanhadas de prurido.

As hemorroidas internas podem ainda ser classificadas em quatro graus, de acordo com a gravidade das lesões.

Causas

Um dos principais fatores de risco para o surgimento das lesões é a constipação, ou seja: o intestino preso, problema muitas vezes causados pela alimentação pobre em fibras. Neste caso, as feridas surgem devido ao esforço para evacuar e costumam se apresentar de forma mais constante ao longo da vida.

Muitas pessoas têm dificuldade ou vergonha de ir ao banheiro fora de casa e acabam “segurando” a vontade de evacuar. Este comportamento pode desenvolver ou piorar um quadro já existente de hemorroidas.

Além da prisão de ventre, outro quadro bastante comum é o que ocorre durante a gravidez e logo após o parto: nesta situação, as varizes decorrem do aumento da pressão sanguínea nas veias do ânus.

Além desses, existem outras causas associadas ao distúrbio:

  • Diarreia crônica
  • Infecções anais
  • Permanecer sentado por longos períodos
  • Sedentarismo
  • Obesidade
  • Tabagismo
  • Histórico familiar

Principais sintomas

  • Coceira
  • Sangramento
  • Dor
  • Ardor
  • Saliência palpável

Em breve abordaremos os principais avanços no tratamento da doença.

Dr. Carlos Sobrado, coloproctologista do Centro de Gastroenterologia do Hospital 9 de Julho

Agendamento

​​Botão Secundário​


Veja mais

Nosso site usa cookies para melhorar a navegação. Conheça o nosso Portal de Privacidade .