Logon
Pacientes e Visitantes

Oftalmologia

Leia mais e tenha informações seguras sobre saúde

​​Esta especialidade da medicina é responsável por estudar e promover o tratamento de doenças que afetam a visão, a saúde dos olhos e as estruturas próximas, como, por exemplo, os órgãos do aparelho lacrimal.

Diferentemente dos oculistas – que são os técnicos especializados em óptica, responsáveis por produzir e consertar lentes e óculos – os oftalmologistas são médicos que podem ter atuação tanto clínica como cirúrgica.

Por meio de diversas técnicas de exame, como a avaliação da acuidade visual, o grau dos óculos e o estado de saúde dos olhos com microscópios oculares e modernos aparelhos, os oftalmologistas são capazes de diagnosticar doenças como:

glaucoma 

catarata 

retinopatias 

doenças do nervo óptico.


Desta forma, podem identificar as diferentes causas de redução visual ou de outros sintomas oculares, e propor os melhores tratamentos clínicos ou cirúrgicos atualmente disponíveis. 

Os médicos oftalmologistas também têm a função de diagnosticar e corrigir os chamados erros de refração, ou seja, receitar tratamentos para miopiaastigmatismohipermetropia presbiopia (vista cansada).

Durante o atendimento clínico-oftalmológico, os oftalmologistas orientam e estimulam os pacientes nos cuidados com a saúde dos olhos, além da prevenção de doenças oculares. Realizam também testes diagnósticos e tratamento de diversas doenças com o uso de colírios.

Para os tratamentos cirúrgicos, "os oftalmologistas especializados nas diversas áreas realizam cirurgias de catarataretinaplástica ocularglaucomaestrabismo córnea, além de procedimentos a laser para corrigir os vícios de refração", explica o Dr. Aníbal Mutti,  oftalmologista do Centro de Medicina Especializada (CME).   

Equipamentos
Além de uma equipe altamente capacitada, o Hospital 9 de Julho conta com recursos tecnológicos avançados. "Entre eles está o OCT (Tomógrafo de Coêrencia Óptica) 3D, o único exame capaz de mostrar detalhadamente em três dimensões a retina e o nervo óptico. Dessa forma, proporciona um exame muito mais detalhado da anatomia ocular, fundamental para o diagnóstico precoce e controle da progressão de várias doenças, como a degeneração macular senil, o glaucoma e a retinopatia diabética, entre outras", afirma Mutti.

Agendamento Online​​​

Veja outros temas

Catarata​​
Como medir a vis​ão​
Glaucoma​​
Passo a passo para aplicar colírios corretamente​​


Nosso site usa cookies para melhorar a navegação. Conheça o nosso Portal de Privacidade .