Logon
Pacientes e Visitantes

Cirurgia

Cirurgia Robótica

A mais moderna e inovadora técnica cirúrgica da atualidade

​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​sala robotica1.JPGHospital 9 de Julho possui um Centro de Robótica especializado em cirurgias minimamente invasivas, realizadas por meio de robô Da Vinci,  a mais moderna e inovadora técnica cirúrgica da atualidade, presente em poucos centros Hospitalares do País. 

Desde 2012, com a aquisição do primeiro robô Da Vinci (o H9J possui hoje dois robôs) realiza cirurgias robóticas nas seguintes áreas:

  • G​inecologia - Histerectomias, ooforectomia, endometrioses severas e tumores de colo de útero e ovário;
  • Urologia​ - Prostatectomia radical para tratamento de câncer de próstata, Nefrectomia parcial ou total;
  • Oncologia​​ - Retossigmoidectomia, tumores de pâncreas e esôfago e Colectomia;
  • Cirurgia Geral​ - Hérnias abdominais e​ colecistectomia;
  • Cirurgia Bariátrica - Gastrectomia (Sleeve e Bypass);
  • Cabeça e Pescoço - Tireoidectomia.

​​Agendar consulta​​​

​​

​​​​​​Vantagens da Robótica 

Console.JPGPara o paciente, as cirurgias robóticas, como são minimamente invasivas, reduzem a perda de sangue, oferecem menor risco de infecção, o que proporciona uma recuperação mais rápida e a volta do paciente às atividades normais em menor espaço de tempo.  

Para os médicos, a tecnologia permite uma atuação mais precisa e segura do cirurgião, pois oferece imagens Full HD em 3D, que são fundamentais para dar a dimensão em profundidade, além de total segurança no manuseio dos instrumentais, uma vez que o equipamento conta com dispositivos de segurança diante do comando do console.  As pinças utilizadas são bem menores do que as usadas em videolaparoscopia e possibilitam movimentos de rotação de até 360º, permitindo ao cirurgião alcançar estruturas que nenhuma outra modalidade cirúrgica oferece​​

​​​​​​Sala Inteligente de Robótica

sala inteligente 1.jpgO H9J possui a ​Sala Inteligente da Robótica, pioneira no País, que permite o rápido deslocamento do médico entre duas salas cirúrgicas, agilizando a realização de procedimentos em sequência. Trata-se de um ambiente amplo, subdividido em duas salas cirúrgicas. Separando-as há um vidro polarizado que pode ficar opaco ou transparente quando acionado pelos cirurgiões. 

Enquanto acontece a cirurgia na primeira sala, o vidro fica fosco para preservar a privacidade do paciente. Quando a cirurgia acaba e o paciente da sala ao lado já está anestesiado, o vidro torna-se transparente para que o cirurgião já possa iniciar a próxima cirurgia, sem precisar sair do console (local de onde realiza os comandos para os braços robóticos). 

Diferencial da Sala Inteligente  

O grande diferencial é a redução do tempo para os processos cirúrgicos. A equipe cirúrgica consegue otimizar em até 1 hora e 30 minutos o tempo que seria investido na transição entre duas cirurgias. Como o médico não precisa trocar de console, o tempo gasto pela equipe é destinado para a higienização, troca de pinças e preparação do próximo paciente, o que, normalmente, é muito rápido. Além disso, possui uma Unidade de internação exclusiva para pacientes do Centro de Robótica. ​​​​

​​​​​​​Era digital na Medicina

Docking (800x586).jpgA robótica é a evidência do futuro na Medicina. A cirurgia aberta não possui tecnologia envolvida e a videolaparoscopia possui algumas limitações, como a impossibilidade de aproximar a imagem (zoom), além da rigidez da pinça. 

Na robótica , o médico tem, por meio do console, a possibilidade de simular o movimento das mãos e do punho, com visão de 360 graus. "A era digital chegou à medicina. O robô é uma evolução e uma revolução no treinamento do cirurgião. É o maior respeito que o paciente pode receber", afirma o Dr. Rafael Coelho, cirurgião especialista em robótica.​ 

​Veja o vídeo abaixo:

 


Números da Robótica no H9J

  • 75% das cirurgias foram realizadas em pacientes do sexo masculino, sendo os principais procedimentos a retirada do câncer de próstata (prostatectomia) seguido da retirada do câncer de rim (nefrectomia);
  • 25% dos procedimentos robóticos foram realizados em diferentes especialidades e em ambos os sexos. Os destaques estão relacionados ao aumento dos casos da ginecologia, como a endometriose, a histerectomia e a miomectomia.  Em seguida, os procedimentos da cirurgia geral (gastroplastias, cirurgia do cólon,  ​esôfago, pâncreas e hérnias abdominais);
  • ​A faixa etária de maior aderência à essa tecnologia robótica é de 41 a 60 anos (54%), seguido por 20 a 40 anos (32%) e acima de 61 anos (14%).​


Plataforma completa para treinamento em robótica


Robotix (13).jpgO H9J foi o primeiro hospital da América Latina a adiquirir a plataforma completa de treinamentos em cirurgia robótica, composta pelo Robotix Mentor e o Lap Mentor Express, capazes de treinar o cirurgião e o assistente ao mesmo tempo. 

Uma das vantagens deste novo simulador é que ele é portátil e pode ser acoplado (como uma mala) ao console do robô e seu grande diferencial é que ele realmente simula os processos da cirurgia, como sutura, cauterizações etc. Importado, o investimento foi de US$ 150 mil.​ Leia mais, clicando aqui



​​Agendamento Online​

Para marcar consult​as e exa​mes, ligue para 11 3147-9430.​​