Não é fácil receber o diagnóstico do diabetes. Com a doença que afeta 13 milhões de pessoas no Brasil, segundo dados da Sociedade Brasileira de Diabetes, vem uma série de mudanças na rotina que podem ser difíceis em um primeiro momento, porém, necessárias para trazer mais qualidade de vida ao paciente.

Esses dados alarmantes da SBD chamam a atenção para uma causa maior do problema: os maus hábitos e a má qualidade de vida dos brasileiros, visto que os principais fatores que levam ao desenvolvimento de diabetes são o sobrepeso, a obesidade e a inatividade física.

“Muitas pessoas têm uma rotina estressante e acabam negligenciando os hábitos saudáveis, como a prática de atividade física e alimentação adequada; o resultado disso é que o Brasil figura como quarto colocado no ranking mundial da doença”, afirma Dra. Roberta Frota Villas Boas, endocrinologista do Hospital Nove de Julho.

Porém, apesar de todo o risco que a enfermidade envolve, é possível manter a doença sob controle e, consequentemente, ter mais qualidade de vida. Nos tipos mais conhecidos de diabetes, o 1 e o 2, manter bons hábitos alimentares, com refeições balanceadas e praticar exercícios regularmente são fatores decisivos. Essas recomendações também auxiliam na perda de peso, que, por sua vez, colabora para o controle da glicemia.

“Quem não segue de forma adequada o tratamento prescrito pode sofrer com as consequências da doença, como hiperglicemia, insuficiência renal, perda visual, doenças cardiovasculares e amputações, mas quem segue as recomendações médicas pode levar uma vida normal, com poucas chances de desenvolver complicações crônicas ”, explica a endocrinologista.

Fique de olho 

O pré-diabetes é uma condição de alerta, que sinaliza o desenvolvimento da doença. Ele acontece quando os níveis de glicose estão mais altos que o normal, mas não o suficiente para confirmar o diagnóstico. Essa condição é muito importante pois é a única etapa em que existe a possibilidade de reversão ou que permite retardar a evolução para o diabetes.


Para marcar consult​as e exa​mes, ligue para 11 3147-9430.