Passo a passo para pingar colírio corretamente
Logon

Passo a passo para pingar colírio corretamente

​​​​Aplicar uma gota de colírio dentro dos próprios olhos não é tarefa fácil. Isto fica evidente quando os médicos pedem aos pacientes que demonstrem a maneira que estão usando os colírios prescritos. "Frequentemente vemos as gotas caindo na testa e nas pálpebras, gerando desperdício e falha no tratamento", alerta o Dr. Aníbal Mutti, oftalmologista do Centro de Medicina Especializada (CME)​. É comum também ver as pessoas encostando a ponta do frasco nos olhos, o que contamina a solução e aumenta o risco de infecções, como a conjuntivite bacteriana. Para os pacientes idosos, com outros problemas de saúde, a tarefa pode ser ainda mais difícil.

Administrar corretamente o colírio garante efeito duradouro e potente da medicação, além de provocar menos efeitos colaterais. Os custos com o tratamento se reduzem, porque os frascos do colírio duram mais. A quantidade de líquido que cabe na superfície ocular é de apenas meia gota. "Uma gota dá e sobra", afirma o médico.   

O  médico ensina ainda que piscar dos olhos também tem influência no efeito da medicação: quanto mais vezes piscamos os olhos depois de aplicarmos o colírio, maior é a drenagem para o canal lacrimal, aumentando ainda mais os efeitos adversos e diminuindo a ação terapêutica nos olhos.  

Comprimir levemente a região do saco lacrimal após a instilação da gota, diminui a sua drenagem e aumenta o tempo de permanência na superfície ocular e consequentemente o efeito terapêutico. Costumamos ensinar esta manobra aos pacientes, com bons resultados.

 

Passo a passo para a aplicação correta dos colírios

  • Lave as mãos
  • Confirme a prescrição médica: qual colírio e em qual olho devo aplicar?
  • Tire a tampa sem encostar na ponta para não contaminar.
  • Puxe a pálpebra inferior com o dedo (para expor o saco conjuntival)
  • Incline o bico do frasco para baixo, pingue a gota no meio do saco conjuntival.
  • Feche os olhos por um minuto (evite ficar piscando) 
  • Pode-se comprimir gentilmente o saco lacrimal no canto interno dos olhos (ao lado do nariz) durante um minuto.
  • Nos casos em que o paciente usa mais de um tipo de colírio no mesmo horário, deve-se esperar de 5 a 10 minutos entre as aplicações. Do contrário, parte do efeito do primeiro colírio se perderá, pois ele será "lavado" pela segunda gota. 

Para marcar consult​as e exa​mes, ligue para 11 3147-9430.
Rua Peixoto Gomide, 545 - Fone: (11) 3147-9999
Cerqueira César - São Paulo - SP - CEP 01409-902
2017 © Todos os direitos reservados
Feito com pela Mult-Connect